Iniciados os estudos para a construção de ferrovia entre o Paraná e o Mato Grosso do Sul

Iniciados os estudos para a construção de ferrovia entre o Paraná e o Mato Grosso do Sul

Na última quarta-feira (21), foi autorizado pelo governador do Paraná, Beto Richa, o início dos estudos de engenharia e de viabilidade técnica, ambiental e econômica para implantação de uma nova ferrovia, com cerca de 1.000 km, entre o porto de Paranaguá, no Paraná, e Dourados, no Mato Grosso do Sul.

Quatro consórcios, entre os seis que se candidatam para a elaboração dos estudos, vão fazer os levantamentos. São eles: aB, constituído pelas empresas Bureau da Engenharia ECT Ltda, Hendal e Advice Concultoria e Serviços; o consórcio SSSE, formado pela empresa espanhola Sener Ingeneria e pelas nacionais Sener Setepla e Engefoto; o consórcio Egis-Esteio-Copel, do qual fazem parte a empresa francesa Egis Engenharia e Consultoria Ltda e pelas nacionais Esteio Engenharia e Aerolevantamentos S.A e Copel, e o consórcio formado por Sistemas de Transportes Sustentáveis – STS, Pullin e Campano Consultores Associados e Navarro Prado Advogados, pela consultoria Millennia Systems, dos Estados Unidos, e pela EnVia Technologies International.

Ler mais

ATENÇÃO ASSINANTES!

O acesso às edições mais recentes das revistas AU – Arquitetura e Urbanismo, Construção Mercado, Equipe de Obra, Infraestrutura Urbana e Téchne foi restabelecido em nossa plataforma digital.