Com 1.500 funcionários trabalhando ao mesmo tempo e 5.000 toneladas de aço empregadas, a obra do novo Terminal de Passageiros do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, atingiu feitos inéditos na história da construção civil no País

Com 1.500 funcionários trabalhando ao mesmo tempo e 5.000 toneladas de aço empregadas, a obra do novo Terminal de Passageiros do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, atingiu feitos inéditos na história da construção civil no País

Primeira obra de aeroporto totalmente concebida com estrutura metálica no Brasil, o Terminal de Passageiros Número 2 do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, foi erguido num prazo mais curto do que o padrão. Foram necessários apenas 14 meses para levantar a estrutura e colocar o terminal em funcionamento.

O método construtivo com estrutura metálica de aço foi fundamental para o cumprimento do prazo. Isso porque as peças, elaboradas pela Codeme Engenharia, chegavam prontas para serem instaladas na obra, evitando que precisassem ser confeccionadas no canteiro. ‘As peças já vinham preparadas da fábrica com a primeira pintura. Então, era praticamente montar e fazer o complemento das estruturas’, explica Guilherme Barbosa, diretor de operações da Racional Engenharia, empresa responsável pela execução da obra, que atua há 46 anos no setor de construção civil e tem mais de 600 obras realizadas no território nacional. Ler mais

ATENÇÃO ASSINANTES!

O acesso às edições mais recentes das revistas AU – Arquitetura e Urbanismo, Construção Mercado, Equipe de Obra, Infraestrutura Urbana e Téchne foi restabelecido em nossa plataforma digital.