Conheça o sistema de estaqueamento de blindagem usado na obra da Estação Elevatória de Esgoto Alvorada, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro

Conheça o sistema de estaqueamento de blindagem usado na obra da Estação Elevatória de Esgoto Alvorada, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro

O sistema de contenção com estacas secantes chegou ao Brasil em 2004 e começou a ganhar espaço oito anos depois, com a vinda de novos equipamentos para o país. A utilização das estacas secantes apresenta grande versatilidade em relação às técnicas tradicionais, uma vez que não necessita de fluído estabilizante em sua execução. Como o próprio nome já diz, a escavação e a concretagem são efetuadas a seco.

Para a execução das estacas, a perfuração é feita com equipamento derivado do utilizado convencionalmente para fundações hélice contínua (acrescenta-se, normalmente, um acessório na torre de perfuração chamado de “cabeça dupla”). Em seguida, as estacas são preenchidas com concreto ou, também, com “coulis” (uma mistura de bentonita, cimento e água). O preenchimento é lançado por um tubo tremonha, tipicamente usado em concretagens submersas.

Ler mais

Comunicado aos Assinantes PINI!

Clique aqui.