Pouso Alegre lança Procedimento de Manifestação de Interesse para construção de aeroporto de cargas | Infraestrutura Urbana

Transporte

Notícias

Pouso Alegre lança Procedimento de Manifestação de Interesse para construção de aeroporto de cargas

Autorizado desde 2014 pela ANAC, terminal não gerou interesse em PPP lançada no último ano. Agora, Prefeitura quer ouvir novas propostas

Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb
18/Julho/2017

A Prefeitura de Pouso Alegre, em Minas Gerais, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Município de Pouso Alegre (SDE), publicou o edital de Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) para a construção de um aeroporto internacional de cargas e sua via de acesso.

Divulgação: Prefeitura de Pouso Alegre

O objetivo do edital é reunir "estudos técnicos contendo investigações, levantamentos, projetos, estudos de engenharia e afins que subsidiem a modelagem do edital da concessão para construção, operação, exploração e manutenção do aeroporto".

O terminal foi autorizado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) em 2014. Na época, a previsão era de que a construção fosse feita por meio de parceria público-privada, com orçamento de R$ 400 milhões e capacidade de armazenagem de cargas de 78.125 toneladas, em uma área de 12.500 m², com uma média de 9.456 passageiros por ano.

A princípio a pista de pousos e decolagens teria três mil metros de extensão e 45 metros de largura, permitindo assim, a circulação de aeronaves de grande porte. O projeto também previa pista para manobras, galpão logístico, pátio de estacionamento para descarga de aeronaves e caminhões e uma área de manutenção mecânica.

Em 2016, a prefeitura publicou um edital para propostas com contrato estimado em R$ 1,6 bilhão envolvendo a construção de um empreendimento de cerca de cinco milhões de metros quadrados às margens da BR-381, na Rodovia Fernão Dias, no bairro Curralinho, zona rural do município, contudo, não houve nenhuma proposta. Desde então, o projeto seguiu parado.

Para mais informações sobe o PMI, clique aqui.