Concluída desde 2012, ponte estaiada entre o Brasil e a Guiana Francesa é inaugurada | Infraestrutura Urbana

Transporte

Notícias

Concluída desde 2012, ponte estaiada entre o Brasil e a Guiana Francesa é inaugurada

Estrutura possui 378 metros de extensão, interligando os municípios de Oiapoque e Saint-Georges

Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb
21/Março/2017

Foi realizada uma cerimônia simbólica no último sábado (18) para inaugurar a Ponte Binacional do Rio Oiapoque, que liga a fronteira do Amapá com a Guiana Francesa. Entre os presentes estavam membros da delegação e autoridades militares francesas, o governador do Amapá, Waldez Góes, e a prefeita de Oiapoque, Maria Orlanda.

A ponte estaiada possui 378 metros de extensão entre os municípios de Oiapoque, no Brasil, e Saint-Georges, na Guiana Francesa. Ao todo são quatro apoios, dois em margem brasileira e dois em margem da Guiana, todos implantados fora do leito do rio Oiapoque. Assim, formaram-se três vãos, sendo que o principal mede 245 m e os outros dois 50 m.

A plataforma da obra de arte possui a largura de 13,70 m, abrigando passeio para pedestre de 2,52 m e pista de 9 m, com duas faixas de 3,50 m e duas de segurança com 1,00 m cada. Os gabaritos de navegação, por fim, têm largura de 50 m e altura livre de 15 m no meio do vão estaiado.

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) foi responsável por toda obra e investimento de R$ 71 milhões na ponte, segundo o Acordo de Cooperação entre o Brasil e a França. O projeto começou a ser executado em 2009 e a construção em 2012.

A Ponte Binacional está aberta, inicialmente, para carros de passeio. Porém, dois outros tratados entre Brasil e França já estão em análise para finalizar as questões de operações comerciais e de transportes de mercadorias.

Leia mais:
Obras de acesso à ponte entre Brasil e Guiana Francesa são iniciadas

Destaques da Loja Pini
Aplicativos