Obras de ponte de 1,4 km de extensão em Porto Nacional, no Tocantins, são autorizadas

O governador de Tocantins, Marcelo Miranda, assinou no dia 23 de outubro a ordem de serviço autorizando o início da construção da ponte de 1.488 metros de extensão sobre o Rio Tocantins, na Rodovia TO-070, no trecho entre o município de Porto Nacional à Rodovia BR-153. A obra foi orçada inicialmente em R$ 101.328.272,57 e será executada pela Rivoli do Brasil S.P.A., vencedora de licitação em 2014.

A ponte que tem previsão de entrega em até 900 dias, irá substituir a estrutura atual de 1970 que possui 900 metros e está com diversas irregularidades em sua estrutura devido ao trânsito de veículos pesados. A nova estrutura terá 1.088 metros de armação de concreto e 400 metros de aterro.

Em setembro deste ano, a Assembleia Legislativa aprovou o Projeto de Lei que autorizou a operação de crédito entre o Governo do Estado e a Caixa Econômica Federal (CEF) no valor atualizado de R$ 130 milhões para financiamento da obra. “A ponte de Porto Nacional faz parte de um pacote de obras estruturantes que planejamos criteriosamente para o Tocantins. É um empreendimento de governo que vai impulsionar o nosso agronegócio e fazer com que o Estado fique ainda mais atrativo para investidores”, comentou Miranda.

O governo espera que com a construção da ponte sejam gerados pelo menos 500 postos de empregos diretos e indiretos com a utilização preferencial de mão de obra local.

Estiveram presentes durante a cerimônia de assinatura da Ordem de Serviço a primeira-dama e deputada federal, Dulce Miranda; a vice-governadora Claudia Lelis; o prefeito de Porto Nacional, Joaquim Maia; os deputados estaduais Amélio Cayres, Nilton Franco, Wanderlei Barbosa, Valdemar Junior, Toinho Andrade, Mário Carlesse, Cleiton Cardoso; e os deputados federais Dorinha Seabra, César Halum e Vicentinho Junior; e o senador Vicentinho Alves.

Por Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb